Blog

Arrecadação mais eficiente na Previdência é ponto consensual, afirma Trabalho

Ações mais eficientes na arrecadação e combate à sonegação são pontos consensuais já alcançados pelos integrantes do Grupo de Trabalho (GT) que discute propostas para as mudanças na Previdência Social, garantiu o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira.

A declaração foi feita nesta semana, durante a audiência pública da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa, que promove uma série de debates sobre o tema, na Câmara Dos Deputados, em Brasília (DF).

“O governo sempre deixou claro que não tem uma proposta pronta, mas conta com a participação das centrais sindicais, principais representantes dos trabalhadores, na construção de um projeto que garanta a sustentabilidade da Previdência Social”, destacou o ministro.

Nogueira reconheceu o papel das centrais sindicais neste debate, e ressaltou a sua atuação protagonista na defesa do trabalhador. “O combate à sonegação foi uma das sugestões apresentada pelas centrais sindicais e acolhida de forma responsável pelo governo.”

O presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa, deputado Roberto de Lucena (PV-SP), informou que encaminhou ofício à Casa Civil para que deputados do colegiado participem do GT que busca consenso em torno de uma proposta sobre a Previdência, que posteriormente será analisada no Congresso Nacional.

Centrais Sindicais

O ministro também reforçou a importância da participação do movimento sindical na construção de políticas públicas para os trabalhadores, por meio de um conselho de decisões tripartite.

A reunião da Comissão Especial do Financiamento da Atividade Sindical contou com a participação de dirigentes da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Força Sindical, Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Nova Central Sindical de Trabalhadores (NCST), Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio e Serviços (CONTRACS) e da Confederação Nacional dos Trabalhadores Metalúrgicos (CNTM).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Sites para consulta pública:

        



Palavras-chave: rpps, investimentos, previdência, software previdenciário, consultoria, auxílios, benefícios, cálculo atuarial, avaliação atuarial, reavaliação atuarial, instituto, regime próprio de previdência social, crp, dair, dipr, dpin, certificado de regularidade previdenciária, criar rpps, consultoria rpps, sistema rpps, fundo de investimento