Blog

Reforma da Previdência atinge servidores públicos de Blumenau

Foto: Lucas Prudêncio/CMB/Divulgação

O secretário Especial de Previdência e Trabalho, Rogério Simonetti Marinho, publicou na quarta-feira (4) uma portaria determinando que os Estados, o Distrito Federal e os Municípios terão o prazo até 31 de julho de 2020 para adotar as regras da Nova Previdência. Uma das determinações é a elevação de 11% para 14% a alíquota de contribuição previdenciária dos servidores municipais para municípios com as contas no vermelho. É o caso de Blumenau, que possui um déficit previdenciário de mais de R$ 2 bilhões.

Além desta determinação, também está previsto que a alíquota mínima uniforme dos segurados ativos, aposentados e pensionistas será de 14%.

Em Blumenau, de acordo com o Issblu (Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor), o déficit ultrapassa a casa dos R$ 2 bilhões com um total de 10.124 segurados, aposentados e pensionistas.

Na sessão da quinta-feira (5) na Câmara de Vereadores de Blumenau, servidores públicos e representantes do Sintraseb (Sindicato Único dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Blumenau) estiveram no plenário.

Eles pediram aos vereadores que não votassem nenhum projeto que trata sobre a previdência dos servidores municipais em regime urgentíssimo. Também abordaram a situação financeira do Issblu e os repasses da prefeitura ao instituto.

Duranta a sessão, o vereador Alexandre Matias (PSDB) propôs um requerimento solicitando a presença na Câmara do presidente do Issblu, Elói Barni, ou seu representante legal. A intenção é ele esclareça e sane as dúvidas em relação à situação da previdência no Município de Blumenau. O requerimento foi aprovado.

Publicado em: ND Mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Sites para consulta pública:

        



Palavras-chave: rpps, investimentos, previdência, software previdenciário, consultoria, auxílios, benefícios, cálculo atuarial, avaliação atuarial, reavaliação atuarial, instituto, regime próprio de previdência social, crp, dair, dipr, dpin, certificado de regularidade previdenciária, criar rpps, consultoria rpps, sistema rpps, fundo de investimento